Ensino Remoto

Ensino remoto: 4 lições que a sua escola pode tirar nesse momento

ideias ano letivo

Quais lições o ensino remoto pode trazer para a sua escola nesse momento? Sem dúvida, há muitos acontecimentos em torno desse assunto, visto que as aulas online foram a solução encontrada pelas instituições durante a pandemia, que afastou os alunos e os professores dos ensinos presenciais.

Certamente algumas lições podem ser tiradas de tudo isso, ajudando a promover um ensino de ainda mais qualidade para seus estudantes. Isso se dá quando se visa a boas práticas utilizando recursos da internet e envolvendo mais os responsáveis no aprendizado, principalmente quando o assunto é alunos das séries iniciais.

Veja, então, algumas lições que podemos tirar por conta dessas práticas. É só continuar a leitura!

O ensino remoto como medida emergencial não é classificado como EAD

Saiba que a Educação de maneira geral não estava preparada para situações como a da pandemia, que obriga os alunos e todo o corpo docente estarem isolados, sem contato presencial. Assim, a medida encontrada foi utilizar da tecnologia para levar adiante o ano letivo, porém precisamos reforçar que esse contexto não é igual ao EAD.

A Educação a Distância, como é chamada, possui toda uma estrutura que se diferencia do que estamos vivemos agora nas escolas públicas e privadas. Isso porque a proposta é que o estudante não tenha seu aprendizado comprometido por conta do distanciamento, o que se dá por meio de algumas medidas usando a tecnologia.

Diferente do sistema de educação que já é estruturado para funcionar assim. Por exemplo, um ensino em EAD possui apoio de diversos tutores de maneira atemporal, ou seja, à disposição do estudante. Além de carga horária distribuída em diversas atividades. Dessa forma, a prestação de serviços não é igual, tem muito a ser aperfeiçoada para se tornar de fato um sistema de EAD.

Alunos e professores estavam despreparados para lidar com esse novo modelo, que foi um plano de contingência educacional. Por isso, é importante tirar como lição que sua escola vive hoje em uma situação diferenciada.

Existem diferentes modalidades para o ensino remoto

Em meio à regulamentação sobre essas medidas de contingência, aprendemos que há diversos meios digitais para oferecimento do ensino remoto. A exemplo disso, há algumas cidades que optaram por emitir uma programação na televisão aberta, porém outras disponibilizaram plataformas virtuais, aplicativos para videochamadas, enfim.

Dessa forma, cada instituição de ensino seguiu por alternativas que melhor estivessem adaptadas aos professores e alunos, como certamente a sua escola também o fez. Pensando, então, para além do que estipulou a lei, nesse plano de contingência, temos uma perspectiva interessante sobre as possibilidades atuais.

A tecnologia trouxe alternativas diversas para encontros não presenciais com os alunos e para distribuição de atividades. As próprias redes sociais, como os aplicativos de conversação e envio de arquivos, são grandes aliadas na troca de atividades e informações para com os alunos e seus responsáveis.

Com isso, acreditamos que o período pós-pandemia terá consequências, inserindo parte dessas novas práticas, a fim de trazer mais possibilidades para os alunos. A evolução “forçada” das práticas de ensino pode trazer boas consequências no futuro, colaborando para aperfeiçoar e diversificar o ensino com a internet.

Podemos aguardar um aumento pelo interesse no EAD

De maneira geral os estudantes experimentaram o que é a dinâmica do ensino remoto, semelhante ao sistema de EAD. Pensando nisso, podemos aguardar um crescimento por parte do público de educação a distância depois que a pandemia estiver passado. Afinal, muitos experimentaram esse modelo e podem se interessar por ele.

Lembrando que, quando começou anos atrás, o ensino remoto podia tirar reações de desprezo de algumas pessoas, por acreditarem não ser suficiente. Hoje, temos um crescimento interessante dessa modalidade de ensino, que tomou conta principalmente do ensino superior.

Agora, todas as idades experimentaram esse processo de aprender utilizando meios alternativos, entendendo a dinâmica do ensino remoto e se beneficiando dele. Assim, há grandes chances desse mercado crescer ainda mais, visto que esses estudantes entenderam a eficácia do ensino pela internet.

Cabe às instituições, então, aperfeiçoar ferramentas e aproveitarem a demanda do mercado. Inserir modelos de plataformas, sistemas para oferecer algumas disciplinas ou cursos à distância pode ser um caminho interessante. O processo será de melhorar o que já existe hoje, com mais ferramentas e expertise por trás de tudo, além de uma melhor capacitação dos educadores, claro.

O apoio dos familiares é essencial para qualidade do ensino

Vimos no decorrer da pandemia que os pais e outros responsáveis tomaram o protagonismo da educação de seus filhos. Visto que sua escola precisou envolver o ensino remoto, os pais se tornaram figuras que colaboram para auxiliar nas tarefas das crianças, observar se estão atentos às aulas, enfim.

Assim, pais que talvez não tinham tanto envolvimento com as atividades escolares de seus filhos puderam prestar mais atenção a essa área da vida dos pequenos. Todo esse sistema, de escola agindo remotamente e pais auxiliando, foram e são fundamentais para os bons resultados com os estudantes.

Com isso reforçamos que é muito importante o envolvimento dos pais na dinâmica de ensino, sendo figuras importantes para os estudantes. Discurso que pode ser reforçado pelas instituições de ensino, afinal, a sua escola e os responsáveis pelos alunos viveram na prática tudo isso.

Pense em trazer exemplos como esse e mais opções para que no futuro os responsáveis estejam mais ativamente envolvidos com a educação das crianças, assim como ocorreu na pandemia. Isso será feito de maneira mais leve, já que os professores voltarão a atuar diretamente com os estudantes nas aulas presenciais.

Viu como a sua escola pode utilizar dessas experiências para aperfeiçoar o ensino? O ensino remoto não precisa ser apagado após a pandemia. Pelo contrário uma das lições aprendidas é que pode ser uma ferramenta muito interessante para professores e alunos, pois ajuda a aproximar os estudantes de um ensino dinâmico e diferenciado.

Claro que a sua escola precisa estar preparada para essa evolução, ou seja, é necessário melhorar as ferramentas e apostar em treinamento para o corpo docente. Porém, os resultados serão ótimos, visto que o mercado do EAD tende a crescer após a pandemia, período no qual todos experimentaram suas vantagens.

Se precisar de ajuda para isso é só entrar em contato conosco!

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Guia da Consultoria de Software Educacional

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.